quinta-feira, 31 de março de 2011

Educação: Como aplicar limites aos filhos

As crianças precisam de limites. Como educar com disciplina nossos filhos. Uma disciplina eficaz na hora de aplicar limites aos nossos filhos é o mais importante. Se apresentamos uma boa regra, nosso filho estará disposto a cumpri-la porque o que eles querem é nos agradar.

Não estamos preparados para estabelecer limites. alta-nos habilidade para fazê-lo. Falamos demais, exageramos na emoção, e em muitos casos, equivocamo-nos na nossa forma de expressar com clareza e demasiada autoridade. Quando necessitamos dizer aos nossos filhos que devem fazer algo e “agora” (recolher os brinquedos, ir para a cama, etc.), devemos ter em conta alguns conselhos básicos:

Devemos ter objetividade

É frequente ouvir de nós mesmos e de outros pais, expressões como “comporte-se bem”, “seja bom”, ou “não faça isso”. As expressões significam diferentes coisas para diferentes pessoas. Nossos filhos nos entenderão melhor se dermos nossas ordens de uma forma mais concreta. Um limite bem específico diz a uma criança exatamente o que deve ser feito. “Fale baixinho na biblioteca”; “Dê de comer ao cachorro agora”; “Segure na minha mão para atravessar a rua”. Esta é uma forma que pode aumentar substancialmente a relação de cumplicidade com seu filho.

Ofereça opções

Em muitos casos podemos dar aos nossos filhos uma oportunidade limitada de dizer como cumprir suas ordens. A liberdade de oportunidade faz com que uma criança sinta uma sensação de poder e controle, reduzindo as resistências. Por exemplo: “É hora do banho. Você quer tomar banho quente ou frio?”; “Está na hora de se vestir. Você escolhe sua roupa ou quer que eu escolha?”. Esta é uma forma mais fácil e rápida de dizer a uma criança exatamente o que fazer.

Sejam firmes

Em questões realmente importantes, quando existe uma resistência à obediência, necessitamos aplicar a disciplina com firmeza. Uma disciplina firme diz a uma criança que ela deve parar com tal comportamento e obedecer suas ordens imediatamente. Por exemplo: “Vá para o seu quarto agora”, ou “Pare! Os brinquedos não são para atirar”. Os limites firmes são melhor aplicados com uma voz segura, sem gritos, e um sério olhar no rosto. Os limites mais suaves supõem que a criança tem opção de obedecer ou não. Exemplos de limites leves: “Por que não leva seus brinquedos para fora daqui?”; “Você deve fazer as tarefas da escola agora”; " Venha pra casa agora, está bem?” e “Eu realmente gostaria que se limpasse”. Esses limites são apropriados para momentos quando se deseja que a criança aja num certo caminho. De qualquer modo, para essas poucas obrigações, “deve estar feito”, você será melhor cúmplice do seu filho se lhe aplica uma ordem firme. A firmeza está entre o suave e o autoritário.

Acentue o positivo

Os meninos são mais receptivas em fazer o que lhes ordenam. Ordens como “não”, ou “pare” dizem a uma criança o que é inaceitável, mas não explica que comportamento realmente gostaria. Em geral, é melhor dizer a uma criança o que deve fazer (“Fale baixo”) antes do que não deve fazer (“Não grite”). Pais autoritários dão mais ordens “não”, enquanto os demais estão propensos a dar a ordem de “fazer”.

Mantenham-se à margem

Quando dizemos “quero que vá pra cama agora mesmo”, estamos criando uma luta de poder pessoal com nossos filhos. Uma boa estratégia é fazer constar a regra de uma forma impessoal. Por exemplo: “São 8 horas, hora de se deitar” e lhes ensine as horas. Neste caso, alguns conflitos e sentimentos estarão entre a criança e o relógio.

Explique o porquê

Quando uma pessoa entende o motivo de uma regra, como uma forma de prevenir situações perigosas para si mesmas e para outros, se sentirá mais animada a obedecê-la. Deste modo, quando se aplica um limite, deve-se explicar à criança o porque tem que obedecer. Entendendo a razão para a ordem, ajuda as crianças a desenvolverem valores internos de conduta ou comportamento – uma consciência. Antes de dar uma longa explicação que pode distrair as crianças, manifeste a razão em poucas palavras. Por exemplo: “Não morda as pessoas. Isso vai machucá-las”; “Se você joga fora os brinquedos das outras crianças, elas se sentirão tristes porque elas ainda vão querer brincar com eles”.

Sugira uma alternativa

Sempre que aplicar um limite ao comportamento de uma criança, tente indicar uma alternativa aceitável. Por fazê-lo, soará menos negativo e seu filho se sentirá menos em desvantagem. Deste modo, empenhe-se em dizer: “Não sei se você gostaria do meu batom, mas isso é para os lábios e não para brincar. Aqui você tem um lápis e um papel em troca”. Outro exemplo seria dizer: “Não posso te dar um caramelo antes da janta, mas posso te dar um sorvete de chocolate depois”. Oferecendo-lhe alternativas, a estará ensinando que seus sentimentos e desejos são aceitáveis. Este é um caminho de expressão mais correto.

Seja seriamente consistente

Uma regra concreta de limite é evitar uma ordem repetitiva. Uma rotina flexível (dormir às 8 da noite, às 8 e meia na próxima, e às 9 na outra noite) é um convite à resistência e se torna impossível se cumprir. Rotinas e regras importantes na família deveriam ser efetivas dia após dia, ainda que esteja cansado ou indisposto. Se você dá ao seu filho a oportunidade de contornar as suas regras, eles seguramente tentarão resistir.

Desaprove a conduta, não a criança

É necessário que deixemos claro para nossos filhos que nossa desaprovação está relacionada ao seu comportamento e não diretamente a eles. Não os estamos rejeitando. Longe de dizer “Criança má” (desaprovação da criança). Deveríamos dizer: “Não morda” (desaprovação da conduta). Em lugar de dizer “realmente não posso te controlar quando você age dessa maneira”, deveríamos dizer: “Essas latas não são para jogar fora. Devem permanecer na prateleira do armário”.

Controle as emoções

Os especialistas dizem que quando os pais estão muito irritados, castigam mais severamente e são mais propensos a ser verbamente e/ou físicamente abusivos com seus filhos. Existem fases que necessitamos agir com mais calma e contar até dez antes de agir. A disciplina é basicamente ensinar a criança como deve se comportar. Não se pode ensinar com eficiência se você é extremamente emocional. Diante de um mal comportamento, o melhor é respirar por um minuto e depois perguntar com calma: “o que aconteceu aqui?”. Todas as crianças necessitam que seus pais estabeleçam regras de conduta para o comportamento aceitável. Quanto mais mestres em aplicarmos os limites, maior será a cooperação que receberemos dos nossos filhos e menor será a necessidade de aplicar as disciplinas desagradáveis para que se cumpram. O resultado é uma atmosfera caseira mais agradável para os pais e filhos.

(Autor: Charles E. Schaefer, Ph.D., é um professor de psicologia e diretor do Centro de Servicios Psicológicos na Universidad de Fairleigh Dickinson. É autor de mas de 40 livros, incluindo "Teach your child to behave disciplining with love from 2 to 8 years". – “Ensine sua criança a se comportar, disciplinando-a com amor dos 2 aos 8 anos”)

Eleições legislativas realizam-se a 5 de Junho de 2011

Numa comunicação ao país, Cavaco Silva anunciou a dissolução da Assembleia da República e a realização de eleições legislativas a 5 de Junho. 

O Presidente da República explicou as razões que o levaram a dissolver a Assembleia da República, depois de na semana passada o primeiro-ministro ter apresentado a demissão do cargo, e anunciou a data das eleições legislativas antecipadas, que se irão realizar a 5 de Junho. 

Na sexta-feira passada, Cavaco Silva recebeu em audiência os partidos com representação parlamentar (PS, PSD, CDS-PP, BE, PCP e PEV) e ouviu de todos eles a indicação de que a realização de eleições legislativas antecipadas será a única alternativa para o impasse criado pela demissão do primeiro-ministro, José Sócrates.

A data mais repetida pelos partidos da oposição foi o dia 5 de Junho, defendida pelo PS, BE, PCP e PEV.

O líder do PSD, Pedro Passos Coelho, foi o único a defender a data de 29 de Maio.

Esta é a sétima vez, desde que foi eleito, que Cavaco Silva ouve o seu órgão político de consulta, mas será a primeira vez que o actual Conselho de Estado se irá pronunciar sobre a dissolução do Parlamento. 

De acordo com a Constituição, o chefe de Estado só poderá dissolver a Assembleia da República - um passo indispensável para a marcação de eleições antecipadas - depois de ouvir os partidos com assento parlamentar e o Conselho de Estado. 

@SAPO com Lusa

Impostos: Prazo para entrega do IRS pela Internet começa amanhã

Começam amanhã os prazos para entrega do IRS pela Internet para os trabalhadores por conta de outrem e para os pensionistas.

Durante o mês de Abril decorre também o prazo para as declarações entregues em papel para os restantes rendimentos (trabalho independente, rendimentos de capitais, prediais, etc). Para os trabalhadores por conta de outrem e reformados que costumam entregar a declaração em papel o prazo terminou ontem.

Maio é válido para as declarações entregues pela Internet para os outros tipos de rendimentos, como os do trabalho independente. Tenha ainda em atenção que quanto mais cedo entregar, mais depressa receberá o reembolso se a ele tiver direito: é que o Ministério das Finanças vai pagar os reembolsos em 20 dias se a declaração tiver sido submetida pela Internet.

Tecnologia: A nova impressora 3D produzem objetos sob demanda

New printer produces 3D objects on demand
Imagine uma máquina que aceita desenhos em CAD, então produz um protótipo tridimensional dentro de poucas horas por US $ 100 - que agora existe. A implementação bem sucedida da tecnologia aponta o caminho para essa tecnologia acabou encontrando seu caminho em bureau local que produzem mão-de-espera amostras como um serviço e, eventualmente, para a casa onde os projetos podem ser baixados da internet e manifestado no capricho.

Americana Z Corporation agora tem vários modelos de impressoras 3D que produzem protótipos físicos forma rápida, fácil e barata de computer-aided design (CAD) e outros dados digitais.

Da mesma forma que as impressoras desktop convencionais fornecer aos usuários de computador, com uma produção de papel de seus documentos, da Z Corp impressoras 3D fornecer usuários de CAD 3D um protótipo físico de objetos do mundo real, tais como um telefone móvel, um mecanismo distribuidor ou uma câmara .

O processo funciona de forma muito semelhante à impressora jato de tinta, a construção de camada sobre camada de pó e um agente de ligação que cria o objeto, e pode até mesmo ser feito em cores.

Apesar de disponível apenas para um curto período de tempo, as máquinas já encontrou seu caminho no mundo é o melhor R conhecidas & D estúdios - Sony, Fisher-Price, Adidas , Canon, Kodak , NASA, Harley Davidson, Lockheed Martin, Northrop Grumman, BMW, Porsche, Ford, DaimlerChrysler, Harvard, MIT e Yale.At a extremidade inferior do mercado, o mais recente nível de entrada do sistema de prototipagem rápida de Zcorp vende para cerca de 25.000 dólares EUA proporcionando aos clientes uma solução para o seu fim, todos os modelos necessidades.

O Sistema ZPrinter completa o 3D da Z Corp linha de produtos da impressora, que inclui o Z406 Full Color Impressora 3D eo Z810 grande formato impressora 3D. Z Corporation oferece uma variedade de materiais de apoio para suas impressoras 3D, incluindo o pó ZCast novo, usado para criar moldes para fundição de metal na Z Corp 3D Printing Systems.

Z Corp 's ZCast revolucionária tecnologia atende às necessidades da indústria de fundição de metais e usuários finais que procuram produzir rapidamente as peças do protótipo de metal. A tecnologia envolve ZCast moldes de impressão fundição de metal diretamente a partir de dados digitais. O processo reduz drasticamente o tempo necessário para produzir um fundido de semanas para dias. Além do processo ZCast, a tecnologia da Z Corp pode ser usado para criar padrões para a fundição em areia ou fundição de peças metálicas.









Nota: Traduzido pelo Tradutor da Google

Internet: Kansas City é a primeira cidade escolhida para o lançamento do Google fiber-to-the-home

Kansas City, Kansas, will be the first city to benefit from Google's 1Gbps network (Image:...
No ano passado, o Google anunciou planos para construir e testar a velocidade ultra redes de banda larga de alta em um pequeno número de locais de prova em todo os EUA que vai oferecer velocidades de Internet de um gigabit por segundo (1 Gbps) através de uma fibra óptica para a residência (FTTH ) serviço. Depois de receber contribuições de cerca de 1.100 cidades, o gigante da internet agora revelou que irá construir sua primeira rede de alta velocidade ultra em Kansas City, Kansas.

Na avaliação do Google apresentações consideradas fatores como eficiência, onde ele poderia construir a rede, onde teria um impacto sobre a comunidade e onde poderia desenvolver relações com os governos locais e organizações comunitárias.Kansas City marcou todas as caixas e Google já assinou um acordo de desenvolvimento com a cidade e diz que estará trabalhando com organizações locais, empresas e universidades para trazer os benefícios da rede de alta velocidade ultra para a comunidade.

Google diz que também estará trabalhando com organizações locais, como a Fundação Kauffman, KCNext e da Universidade de Kansas Medical Center, para ajudar a desenvolver aplicações que tiram vantagem das velocidades gigabit da rede.

Google planeja começar a oferecer o serviço de alta velocidade ultra partir de 2012 - aguarda aprovação da Câmara da Cidade de Kansas dos comissários. E, em resposta às cidades que ficaram decepcionados ao ter perdido na seleção inicial, o Google diz que vai conversar com as cidades interessadas nos próximos meses sobre a possibilidade de expandir a rede para outras cidades em todo os EUA no futuro.



Nota: Traduzido pelo Tradutor da Google

Automóvel: Novo Porsche Panamera Turbo S pacotes de 550 cv e 800 Nm de binário

Porsche's new Panamera Turbo S
A Porsche revelou o cão superior em sua linha de Gran Turismo. O novo Panamera Turbo S levanta a porta do carro esporte bar e quatro com um 4,8 litros, V8 cobrado motor biturbo que entrega 550 cv (410 kW), que é de 50 cv (37 kW) mais do que o motor encontrado no Panamera Turbo. O Panamera Turbo S também levanta o torque de 700-750 Nm, enquanto que uma função de overboost no "Sport" e "Sport Plus" modo de vê pico de torque a 800 Nm. Estas melhorias permitem que o carro para ir de um começo ereto a 100 km / h (62 mph) em 3,8 segundos, em sua maneira a uma velocidade máxima de 306 km / h (191 mph).

Porsche diz que, apesar do aumento de desempenho, o consumo de combustível do Panamera Turbo S se mantém no mesmo nível que o Panamera Turbo. No âmbito do sistema europeu NEDC do veículo abrange 100 km (62 milhas) em 11,5 litros (20,45 mpg EUA), que cai para 11,3 litros por 100 km (20,81 mpg EUA), quando equipado com o de 19 polegadas, pneus todo-estação com otimizada resistência ao rolamento, desenvolvido especialmente para o Panamera pela Michelin.

Porsche atribui o aumento no desempenho do Panamera Turbo S sobre o Panamera Turbo a duas principais melhorias. Em primeiro lugar, turbocompressores melhorou com alumínio-titânio, que reduz o peso da roda da turbina e do compressor e, por outro, a modificação de controle do motor. A empresa diz que estes se combinam para proporcionar o Turbo S, com um menor momento de inércia do motor e capacidade de resposta mais ágil.

Agilidade estende para além do motor também, com um Porsche Dynamic Chassis Control sistema de estabilização (PDCC) ativo rolo que reduz a tendência do veículo se inclinar nas curvas. Além disso, a Porsche o Gran Turismo do Torque Vectoring Plus (PTV Plus) Sistema aplica-se uma divisão de torque variável para as rodas traseiras e combina com um bloqueio do diferencial traseiro controlado eletronicamente para fornecer tração superior.

O Panamera Turbo S também vem com o pacote Sport Chrono Turbo como padrão, que ajusta a suspensão ea unidade de potência para o desempenho esportivo com o premir de um botão.

O exterior vê uma largura de faixa aumentada do eixo traseiro, rodas de 20 polegadas Turbo II e adaptável prorroga spoiler de quatro vias. Enquanto lá dentro de um revestimento em couro bi-color, que é oferecido em um novo creme / preto exclusiva combinação do novo Panamera Turbo S, com um cinza também exclusiva / creme de combinação para estar disponível a partir do outono (hemisfério norte).

Porsche vai começar as entregas do novo Panamera Turbo S em junho de 2011, com o veículo custa EUR167, 076 (cerca de 236,116 dólares EUA) na Alemanha.



Nota: Traduzido pelo Tradutor da Google

Nuclear: Detectados em Lisboa vestígios de radioactividade

O Instituto Tecnológico e Nuclear (ITN) anunciou hoje que detectou vestígios radioactivos do acidente nuclear no Japão no ar, mas em quantidades "muito baixas" e sem perigo para a saúde pública.

"Como seria expectável", as medições do ITN feitas na sua estação de amostragem de Sacavém começaram na quarta-feira a detectar "vestígios dos radionuclidos césio e iodo" em amostras de aerossóis - partículas suspensas em gases na atmosfera, refere um comunicado do Instituto.

Estas concentrações têm "origem presumível no acidente ocorrido no Japão, são muito baixas e não representam quaisquer perigos para a saúde pública", garante o ITN, acrescentando que "continua a acompanhar o evoluir da situação efectuando regularmente medições".

No dia 28 já tinham sido detectados nos Açores vestígios do gás Xenon 133, sem perigo para a saúde e sujeitos a desaparecer em alguns dias, segundo um especialista da Universidade dos Açores. As partículas radioactivas movem-se pelo mundo a grandes altitudes, levadas pelas correntes de ar atmosféricas.

Teledisco: Jorge Nice "I Wanna be a farmer" (Made in Setúbal)

EUA: Obeso encontrado morto 'fundido' com cadeira

Autoridades encontram cadáver coberto de “feridas, larvas e excrementos", polícia necessitou abrir um buraco na parede para conseguir retirar o cadáver.

As autoridades de Bellaire, no estado norte-americano do Ohio, foram chamadas a uma residência depois de uma mulher ter encontrado o seu namorado morto. Poderia ser um caso comum, não fosse pelo facto de a vítima, que sofria de obesidade, se encontrar ‘fundida’ com uma cadeira reclinável, na qual se encontrava há dois anos.

Chamada ao local, a polícia necessitou abrir um buraco na parede para conseguir retirar o cadáver.

“Foi a pior chamada a que acorri”, afirmou um dos agentes, citado pelo site Gawker. Um outro polícia terá mesmo “deitado para o lixo o uniforme sujo, depois de ajudar a retirar o corpo da casa”.

Alguns agentes não conseguiram mesmo conter a má-disposição provocada ao verem o homem coberto de “feridas, larvas e excrementos”.

“A pele do homem encontrava-se fundida com a cadeira com urina e fezes”, reporta a imprensa local.

Albufeira: Escola acusada de segregar crianças ciganas

O PS de Albufeira denunciou ontem o que considera ser uma "situação escandalosa de segregação e tratamento discriminatório de crianças de etnia cigana" no Agrupamento Vertical de Escolas Albufeira Poente.

Em comunicado, os socialistas dizem que, face a suspeitas de um foco de sarna na EB1 das Sesmarias, que integra o agrupamento, os responsáveis escolares decidiram que as crianças daquela etnia não poderiam ir à escola, como se o foco da doença tivesse de ter "necessariamente" origem nelas. E acusam, por outro lado, a Câmara de Albufeira de fazer o transporte para aquela EB "em dois grupos: num vão as crianças de etnia cigana, noutro as demais crianças".

O director do agrupamento rejeita as acusações e explica que entre os oito alunos afectados pela sarna "alguns são de etnia cigana e outros não". "Foram todos para casa e depois ao Centro de Saúde. Só um ou dois estavam doentes. Os médicos dizem que, nestes casos, devem ser medicados em casa mas podem frequentar a escola". Aurélio Nascimento frisa que no agrupamento há 200 alunos, de 25 nacionalidades, e isso é uma "mais-valia".

O vereador da Educação da autarquia, José Rolo, diz que "neste ano lectivo foi criado um novo circuito de transporte escolar, só para ir buscar cerca de 15 crianças de etnia cigana a um acampamento, que fica a pouco mais de um quilómetro da escola. Não é discriminação, é exactamente o contrário".

‘Ultras’ carregam caixão para estádio, levam colega falecido a jogo de futebol (Com Vídeo))

Corria o minuto 77 do jogo entre o Cúcuta Deportivo e o Envigado, da primeira liga de futebol da Colômbia, quando cerca de 200 ‘ultras’ da claque da equipa caseira invadiram as bancadas com... um caixão. Tratava-se do corpo de Christopher Jácome, um dos mais fervorosos adeptos da equipa, assassinado na véspera. Numa última homenagem, os amigos roubaram o caixão da funerária e levaram-no ao estádio para que Christopher assistisse a um último jogo.




Loulé: Depois de assaltar restaurante e ser detido, ladrão regressa e pede desculpa

Vítima indignada por suspeito ter saído em liberdade dois dias após ser detido.

O provérbio diz que o ladrão regressa sempre ao local do crime. E desta vez confirmou-se. O homem que assaltou o restaurante Afonso III, em Loulé, no sábado, foi ao local dois dias depois pedir desculpa ao dono.

"Na segunda-feira, estava eu no restaurante, aparece ele com um amigo", conta João Guerreiro. "Veio ter comigo e pediu-me desculpa pelo assalto", acrescenta.

Independentemente do pedido, João Guerreiro ficou perplexo por o homem estar em liberdade. "Eu, a GNR e a Polícia Judiciária andámos uma tarde à procura dele e dois dias depois, quando vai a tribunal, é posto cá fora?", questiona-se, ele que ajudou as autoridades, pois reconheceu o assaltante, que mora próximo do restaurante.

Recorde-se que durante o assalto, por volta das 13h00 de sábado, o assaltante apontou uma pistola à nuca do proprietário do restaurante. A arma, no entanto, viria a revelar-se uma réplica em plástico.

"Depois de as autoridades me dizerem que ele já tinha cadastro e de o sujeito confessar o crime, pergunto aos ministros da Justiça e da Administração Interna que justiça é esta que temos em Portugal?", continua João Guerreiro.

"Diariamente comerciantes como eu são vítimas de assaltos perpetrados por pessoas que, após serem detidos, são soltos quase imediatamente", lamenta. 

Casa Pia: Jovem abusado a troco de dinheiro, agora diz que é tudo mentira

Ex-casapiano que agora diz que é tudo mentira admitiu à PJ que ele próprio procurava ‘Bibi’ para encontros sexuais quando precisava de dinheiro.

Ilídio Marques, o jovem da Casa Pia que agora apresenta uma nova versão dos factos sobre o caso de pedofilia, alegadamente a troco de 15 mil euros, admitiu no processo que foi também por dinheiro que teve práticas sexuais com homens mais velhos.

"Caso não lhe fosse prometido e dado o dinheiro no final dos actos, o depoente recusar-se-ia a praticá-los", lê-se num dos depoimentos prestados à PJ, em que o ex-casapiano descreve pormenores sobre os locais dos abusos, nomeadamente a existência de um aquário em casa de Ferreira Diniz, descrito por Ilídio como "muito grande e espectacular". A PJ confirmou posteriormente a veracidade do relato do jovem, e após buscas à casa do médico anexou ao processo uma foto do aquário.

Ao longo dos quatro depoimentos prestados à PJ em 2003, Ilídio manteve sempre a mesma versão, deixando transparecer a importância que o dinheiro tinha para si - recebia entre 5 e 10 contos -, apontando-o como a única razão para se ter deixado abusar. O jovem, que agora diz que só foi abusado por ‘Bibi', chegou mesmo a admitir que, por vezes, quando precisava de dinheiro, ele próprio tomava a iniciativa de procurar Carlos Silvino para que este lhe arranjasse encontros com abusadores. "Dizia-lhe que precisava de dinheiro e o ‘Bibi' percebia de imediato", contou à PJ o jovem, que agora diz que os miúdos "deram a volta" aos inspectores. No entanto, apesar de dizer que é tudo mentira - situação que as perícias do Instituto de Medicina Legal não sustentam -, Ilídio continua sem dizer, afinal, quem foram os "verdadeiros" abusadores. Quando questionado, não responde.

Certo é que o Ministério Público não atribuiu credibilidade à nova versão, razão pela qual Ilídio escapou a um processo por perjúrio - falsas declarações em tribunal.

O alegado pagamento também não vai ser investigado porque não está em causa qualquer crime. O caso de pedofilia está na Relação.

ÁLVARO CARVALHO COORDENADOR DA SAÚDE MENTAL

A ministra da Saúde, Ana Jorge, nomeou Álvaro Carvalho como novo coordenador nacional da Saúde Mental, em substituição de Caldas Almeida. Álvaro Carvalho foi um dos psiquiatras que acompanharam as vítimas do processo Casa Pia, relacionado com abusos sexuais de menores da instituição e que levou à condenação de seis arguidos. O novo coordenador da Saúde Mental nasceu em 1948 na Lourinhã e é licenciado em Medicina pela Universidade de Lisboa.

De Novembro de 2000 a Setembro de 2006, dirigiu o Departamento de Psiquiatria e Saúde Mental do Hospital de São Francisco Xavier (Lisboa), funções que cessou a seu pedido para exercer as de médico-coordenador na Casa Pia.

AVC é a principal causa de morte em Portugal,

Uma em cada seis pessoas irá sofrer um AVC ao longo da vida.
O Acidente Vascular Cerebral (AVC) é a principal causa de morte em Portugal: A cada hora, morrem dois portugueses vítimas de AVC.
Em Portugal, o AVC é ainda responsável pelo internamento de mais de 27 000 doentes por ano; cerca de 15 por cento dos quais morrem durante o internamento.
Na Europa, o AVC é também a maior causa de incapacidade a longo prazo: cerca de 50 por cento das pessoas que sobrevivem a um AVC ficam com limitações importantes que comprometem a sua qualidade de vida.
Um em cada seis AVC deve-se à Fibrilhação Auricular.
A Fibrilhação Auricular é a arritmia mais comum na população. Estima-se que em Portugal perto de 120 000 pessoas tenham esta arritmia e este número deverá aumentar porque a população portuguesa está a envelhecer e a idade avançada é uma das causas de fibrilhação auricular.
A fibrilhação auricular pode não dar sintomas, mas um exame simples e barato permite detectá-la imediatamente: o electrocardiograma. Outras vezes, esta arritmia determina sintomas: (1) alguns doentes sentem que o coração bate de forma irregular e por vezes rápida; (2) outros sentem cansaço fácil, desconforto no peito, falta de ar ou tonturas.
Nas pessoas com fibrilhação auricular, os AVCs ocorrem porque esta arritmia facilita a formação de coágulos de sangue dentro do coração. Por vezes estes coágulos são largados na circulação e param numa artéria do cérebro, obstruindo-a e levando à morte de células cerebrais.
Cerca de 90 por cento dos AVC são evitáveis
Em cada 10 AVCs, 9 devem-se a um ou mais factores de risco sobre os quais se poderia ter  intervido para anular o risco de AVC. Estes factores de risco incluem: hipertensão arterial, sedentarismo, obesidade, excesso de colesterol, fumo de tabaco, erros alimentares, diabetes, stress psicossocial, consumo de álcool e algumas doenças do coração.
De facto, alguns AVCs são directamente causados por certas doenças do coração, de que é exemplo importante uma arritmia designada fibrilhação auricular.
A toma de medicamentos que dificultam a formação de coágulos é crucial para prevenir o AVC causado pela fibrilhação auricular.
O AVC causado pela fibrilhação auricular pode ser evitado pela toma de medicamentos que dificultam a formação de coágulos. Há vários medicamentos com este efeito e a escolha é feita em função do risco tromboembólico de cada indivíduo.
Contudo, a maioria das pessoas com fibrilhação auricular carece de medicamentos anticoagulantes potentes, que requerem análises de sangue periódicas. Avanços recentes permitiram o desenvolvimento de medicamentos anticoagulantes que dispensam a monitorização laboratorial.
O que posso fazer para evitar o AVC?
•    Conheça os seus factores de risco: meça a pressão arterial, o colesterol e a glicemia; verifique o ritmo cardíaco
•    Seja fisicamente activo e faça exercício físico com regularidade
•    Coma de forma saudável de modo a evitar a obesidade
•    Limite o consumo de bebidas alcoólicas
•    Não fume
•    Conheça os sintomas de alarme do AVC e ligue o 112 no caso de suspeita

Mentir por um emprego: As mentiras mais frequentes dos candidatos.

As mentiras mais frequentes dos candidatos. 

Alguns candidatos tentam de todas as formas, aumentar as hipóteses de conseguir um emprego, nem que para isso tenham que recorrer a algumas mentiras durante o processo de recrutamento. Mentiras dissimuladas, inexactidões ou meras omissões, podem até passar despercebidas de início, mas o mais provável é que, com o passar do tempo, venham a ser descobertas. Afinal, “mais depressa se apanha um mentiroso do que um coxo” e, quando esse momento chegar, as consequências poderão ser as piores. 

Para não fazer de cada entrevista uma homenagem ao 1º de Abril, conheça os temas sobre os quais os candidatos mais mentem. 

# Habilitações. Dar informação falsa no que diz respeito às habilitações académicas é mais frequente do que se possa pensar, apesar de ser uma das mentiras mais facilmente detectadas. Desde candidatos que deixam a licenciatura incompleta mas assumem o título de licenciados, a outros que alteram a Instituição onde concluíram a sua licenciatura por outra que tenha maior notoriedade no mercado de trabalho... Este é o tipo de mentira que tem “perna curta”, pois é rara a empresa que hoje em dia não solicite um certificado de habilitações. 

# Conhecimentos Complementares. Hoje em dia, as línguas estrangeiras e os conhecimentos de informática são requisitos muito valorizados para qualquer função. Por este motivo, são muitos os candidatos que incluem estas mais-valias no seu CV sem que correspondam à verdade, ou que ampliam o nível real de conhecimentos que têm. Em processos de recrutamento mais exigentes, a verdade é facilmente descoberta logo na fase de selecção, quando sejam elaborados os testes de avaliação nestas matérias. A longo prazo, mesmo o candidato que supere essa fase, será notório que o seu desempenho não corresponde às expectativas criadas. 

# Experiência. Supondo que não serão descobertos, alguns candidatos chegam mesmo a forjar informações relativas à duração de uma determinada experiência profissional ou até a “criar” uma experiência que nunca sequer existiu. Mais uma vez, este tipo de informações é muito fácil de verificar através de uma simples chamada telefónica. E certamente será muito mais negativo o impacto desta informação falsa, do que a pouca experiência profissional no seu CV. 

# Idade. É frequente os anúncios de emprego definirem no perfil de candidatos uma faixa etária “ideal”. Algumas pessoas que não se enquadram nesta faixa, optam por omitir a sua idade no Curriculum, convencidas de que quando chegarem a uma entrevista, podem demonstrar que o seu potencial em nada é alterado por não terem a idade pré-estabelecida. Esta é, sem dúvida, a mentira mais compreensível e, em muitos casos, pode mesmo funcionar a favor do candidato. 

# Salário anterior. Durante a entrevista de emprego, a tendência para “inflacionar” o valor do salário actual/anterior é muito frequente, numa tentativa de conseguir uma melhor base de negociação. Apesar de não ser propriamente uma mentira “grave”, acaba por ser fácil para os potenciais empregadores descobrirem a verdade, pois o universo empresarial português é pequeno e os contactos entre empresas são uma constante. 

# Razões para ter saído da empresa anterior. Esta é a “mentira” mais perdoável no campo profissional mas também esta, é de fácil denúncia. É natural que seja difícil admitir que a saída da empresa se deveu a uma má adaptação à empresa, mau relacionamento com colegas e chefias ou mesmo por um fraco desempenho… Em vez disso, muitos profissionais optam por “embelezar o cenário”, focando-se em questões como o final do contrato de trabalho, reestruturação da empresa, despedimentos colectivos, por ex.

Inglaterra: Vídeo de conversa de bebés gémeos faz furor no YouTube

Vídeo de conversa de bebés gémeos faz furor no YouTube
As imagens publicadas no YouTube no dia 14 de Fevereiro já tiveram mais de cinco milhões de visitas.

Um vídeo de dois bebés com pouco mais de um ano numa animada conversa tornou-se um sucesso no YouTube, com mais de cinco milhões de visualizações.

Os pais de Sam e Wren, numa reportagem do site britânico "News Life", revelaram que parece que os filhos têm uma linguagem secreta e que não percebem nada do que eles dizem.

Almada: Tribunal sem tinta nas impressoras por dívida do Ministério

O tribunal de Almada está em risco de ficar sem tinta para as impressoras por falta de pagamento do Ministério da Justiça à empresa fornecedora, revelou à agência Lusa um juiz daquele tribunal.

Segundo o juiz Manuel Soares, os magistrados foram informados pelo secretário do tribunal de que a empresa se recusou a fornecer mais material ('tonner') até o Ministério da Justiça saldar as "avultadas dívidas".

"O secretário do tribunal já teve de pedir 'tonner' emprestado ao tribunal da Moita e as secções já estão a partilhar impressoras para poupar o 'tonner'", contou Manuel Soares à Lusa.

Para o juiz, a situação é "lamentável" e poderá brevemente afetar as decisões judiciais.

"A lei diz que as decisões dos juízes devem ser lidas, assinadas e depositadas de imediato, pelo que são necessárias impressoras. O facto de não podermos imprimir pode colocar em causa o nosso trabalho diário", explicou.

O magistrado adiantou que o tribunal de Sintra está a viver uma situação idêntica e lembrou que a empresa Compudata fornece material para todos os tribunais do país.

A Compudata não quis comentar oficialmente as dívidas do Ministério da Justiça. No entanto, uma fonte da empresa confirmou à agência Lusa que as ordens são para não fornecer produtos aos tribunais devido às dívidas acumuladas do Ministério da Justiça.

A agência Lusa tentou obter um comentário do Ministério da Justiça sobre o fornecimento de consumíveis aos tribunais e as alegadas dívidas, mas não obteve resposta.

Em dezembro, a procuradora Maria José Morgado alertou que o funcionamento dos tribunais, do Ministério Público e das polícias ficaria em risco devido à "política miserabilista" do Governo para a área da justiça.

Na ocasião, a diretora do Departamento de Investigação e Ação Penal de Lisboa alertou para a gravidade da situação.

"Estamos em countdown [contagem decrescente] na área da manutenção em matéria de papel, 'tonner', fotocopiadoras, ou seja, em matéria de funcionamento da justiça no que representa resultados no combate ao crime e proteção de pessoas", denunciou.

Zombies: Mortos que regressão a vida (Video)

Profecias Maias: Aparece dois sois na China



Espanha: Guarda de honra desmaia na recepção a Carlos e Camilla

O momento em que Letizia observa o jovem inanimado
A princesa Letizia não escondeu o espanto e preocupação ao ver um elemento da guarda de honra inanimado na recepção ao príncipe Carlos e à mulher, Camilla Parker Bowles, hoje, em Madrid.

Depois da visita de dois a Portugal, Carlos e Camilla viajaram para Espanha, naquela que é a primeira viagem oficial do casal real àquele país. Durante a cerimónia no Prado, um elemento da guarda de honra desmaiou durante a parada, momentos antes da chegada do príncipe de Inglaterra e da duquesa da Cornualha.

Letizia esqueceu por momentos o protocolo e acompanhou o momento em que o jovem inanimado era auxiliado por um companheiro.

quarta-feira, 30 de março de 2011

Risco: Portugal já paga quase o triplo de Espanha na dívida a 2 anos

Espanha continua a descolar de Portugal que, a avaliar pelos mercados, está na iminência de pedir ajuda externa.

É que os juros exigidos pelos investidores no mercado secundário para comprar dívida portuguesa a 2 anos são agora superiores em quase três vezes aos cobrados para absorver obrigações espanholas da mesma maturidade. 

No prazo a dois anos, a ‘yield' portuguesa superou hoje pela primeira vez a barreira dos 8%. A taxa espanhola está em 3%.

Na maturidade a cinco anos o cenário não é muito diferente. A Espanha são cobrados 4,3%, menos de metade dos 9,1% exigidos a Portugal. 

O diferencial, ou ‘spread', entre as obrigações do Tesouro nacionais e espanhola a 10 anos também nunca foi tão gordo: 289 pontos base.

Outro critério para chegar à mesma conclusão é o preço dos ‘credit default swaps' (CDS) sobre obrigações a 5 anos de Portugal e de Espanha. A protecção contra o incumprimento português, tido como mais provável, custa 561 pontos base. O espanhol, mais seguro, está cotado em 224 pontos, também menos de metade.

Este distanciamento das taxas de juros entre os dois países ibéricos tem um significado evidente: Espanha está a deslocar dos países europeus em maiores dificuldades, enquanto Portugal está cada vez mais perto de seguir o caminho de Atenas e Dublin, ou seja, ser intervencionado.

Joaquin Almunia disse esta semana que "qualquer pessoa que olhe para os mercados financeiros vê, há algum tempo, que a evolução dos índices" de Espanha "está claramente separada" da de outros países, como Portugal, Irlanda ou a Grécia.

Também Olli Rehn separa as águas dizendo que "Espanha começou a tomar no ano passado medidas decisivas para equilibrar as despesas públicas, adoptar reformas estruturais no sistema de pensões e do mercado de trabalho bem como, e isto é muito importante, do seu próprio sistema de poupança", por isso, "o peso da sua dívida é "inferior à média da UE.

Álcool: Risco de doenças para dois milhões de jovens portugueses

Risco de doenças para dois milhões de jovens portugueses
A Sociedade Portuguesa de Hepatologia alertou hoje para o risco crescente que "dois milhões" de adolescentes correm de ter doenças do fígado por beberem álcool.

A presidente da Sociedade, Estela Monteiro, disse à Agência Lusa que "20 por cento" dos consumidores regulares de álcool correm o risco de desenvolver cirrose no fígado. "Cada vez mais jovens aumentam a ingestão de álcool. Não têm a noção, entram nas discotecas, bebem 'shots' e pensam que não faz mal", frisou.

Estela Monteiro afirmou que o consumo mínimo não tóxico de álcool está nos 30 gramas por dia para as mulheres e 40 a 50 gramas por dia para os homens. Enquanto um litro de vinho tem 100 gramas de álcool, muitas bebidas presentes nos 'shots' têm muito maior taxa de álcool: um litro de conhaque pode ter 800 gramas e um litro de uísque tem 600 gramas.

As bebedeiras nas discotecas são familiares a "metade dos jovens com 15 anos", referem dados recolhidos pela Sociedade. A presidente da Sociedade salientou que consumidores regulares podem "em cinco ou seis anos" desenvolver doenças do fígado. O tempo que uma doença deste tipo pode demorar a manifestar-se tem a ver com a constituição genética de cada pessoa.

Estela Monteiro afirmou que a Sociedade está em conjunto com os médicos de família e os centros de alcoologia a tentar ter uma ideia concreta dos hábitos alcoólicos dos jovens portugueses, uma vez que são os clínicos gerais a ter mais contacto com as situações de consumo. Num país "de tradição vinícola" ainda é frequente "jovens começarem a beber em casa com doze anos" e são cada vez mais os utentes das consultas de hepatologia, referiu.

EUA: Universidade investiga casal que fez sexo no telhado

Alguém tirou tirado fotografias e colocou-as a circular em vários sites e blogues na Internet.

Universidade investiga casal que fez sexo no telhado

Aqui o Vídeo:



A Universidade do Sul da Califórnia, nos Estados Unidos, abriu uma investigação para apurar o caso de um casal de namorados que foi apanhado a fazer sexo no 12.º andar do edifício.

O acto sexual foi praticado no sábado em plena luz do dia. De acordo com a universidade, o rapaz é um estudante, mas a mulher não anda na faculdade.

O jornal "Daily Mail" publica a história e várias fotografias desta insólita situação.

Insólito: Galinha muda de sexo, 'Gertie' é agora 'Bertie'

A galinha de estimação de um britânica sofreu uma mudança de sexo natural, passando a ser um galo. A sua dona quer que 'Gertie', a galinha, passe agora a chamar-se 'Bertie'.

A britânica Jeanette Howard, de 79 anos, não percebia de onde vinha o cacarejar que ouvia, no seu jardim, ao amanhecer. Tendo apenas galinhas, a dona da propriedade não entendia como podia ouvir um galo 'a cantar'.

Segundo o jornal britânico 'The Sun', depois deste episódio, Jeanette apercebeu-se de que a sua galinha de um ano, 'Gertie', tinha algo estranho. A ave começou a desenvolver uma crista e um papo encarnado, tal como um galo.

A dona do animal já achava que algo estranho se passava com 'Gertie', uma vez que a ave reagia, agora, de um modo diferente para com as suas companheiras, as galinhas 'Daisy' e 'Gracie'.

Jeanette Howard chegou a uma conclusão: a sua galinha era agora um galo.

De acordo com o mesmo jornal, esta afirmação foi confirmada pelos veterenários que disseram que um dos ovários de Gertie se encontra danificado, sendo esta uma causa possível para o aparecimento das características masculinas. De acordo com os especialistas, cerca de um em cada dez mil animais mudam de sexo.

Jeanette Howard não se quer desfazer do seu 'novo galo': "Pensava que a 'Gertie' não punha ovos por ser infeliz. Vou ficar com a 'Gertie', não me posso desfazer da galinha depois de tudo pelo qual ela teve que passar!"

Lisboa: Medico Cirurgião abusa de 20 doentes

Mulheres atacadas no Hospital de Santa Marta por Alcídio Rangel, que acabara de as operar às varizes, denunciaram crimes à Judiciária.

Em declarações ao Correio da Manhã, uma paciente acusa-o de ter sido "atacada" depois de ter feito uma operação às varizes.

O médico foi suspenso em 2008 por cinco casos, mas voltou e terá feito mais 15 vítimas. Em Fevereiro de 2010 foi expulso da Função Pública.


A Inspecção-Geral das Actividades em Saúde (IGAS) instaurou um processo disciplinar que, no início do ano passado, concluiu pela sua expulsão na Administração Pública, segundo disse à Lusa fonte do sector.

O médico, sobre o qual recaem acusações de assédio sexual de pacientes, recorreu desta decisão, mas o tribunal corroboraria as sugestões da IGAS.

No Centro Hospitalar de Lisboa Central, a que pertence o Hospital de Santa Marta, onde trabalhou como assistente graduado de cirurgia vascular, correu entretanto um processo disciplinar que resultou em acusação e o consequente afastamento do clínico.

Paralelamente, a Ordem dos Médicos instaurou um processo ao médico que ainda decorre e que, segundo fonte clínica, está em fase avançada.

O médico trabalha na Federação Portuguesa de Futebol.

Comédia: Duas cabras... A do Pobre e a do Rico


A do Pobre:



A do Rico:




Comentário:

Ambas (as cabras), provavelmente, vão ser comidas.

O pobre, coitado, vai certamente confeccionar uma farta refeição e convidar os amigos para a comezaina ...

O rico, (espertinho), faz-se de desentendido, e finge que não conhece ninguém...

E tenho quase a certeza que vai comer a cabra ... sozinho.

Ciência: NASA mostra primeira foto de Mercúrio

NASA mostra primeira foto de Mercúrio
A imagem histórica foi tirada esta terça-feira e, entretanto, já foram feitas mais de 300.

A NASA divulgou a primeira imagem da órbita de Mercúrio. A fotografia foi tirada pela sonda Messenger, que entrou na órbita do planeta mais próximo do Sol a meio deste mês. A imagem histórica foi tirada esta terça-feira e, entretanto, já foram feitas mais de 300.

Esta é a primeira vez que uma nave entra na órbita de Mercúrio, depois de seis anos no espaço. Antes, apenas foi feito um sobrevoo em 1970 pela Mariner10.

Mitos: Violência doméstica não é fenómeno de classes mais desfavorecidas

Em 2010, 43 mulheres foram mortas em Portugal vítimas de violência doméstica, de acordo com o Observatório de Mulheres Assassinadas da UMAR - União de Mulheres Alternativa e Resposta. A violência doméstica é um flagelo presente na sociedade portuguesa mas o tema levanta ainda muitos mitos e preconceitos.

A psicóloga Ana Sani, investigadora de vários tópicos sobre violência doméstica, enumerou ao SAPO os principais mitos que ainda persistem na mentalidade de muitas pessoas:

Violência doméstica só acontece nas classes sociais mais baixas: “É um mito. A violência é transversal a todas as classes sociais, não só por experiência mas também a literatura vem desmistificando esta ideia. Em classes mais altas as situações são mais camufladas e nós depois não temos noção de que a violência existe noutros níveis”.

Agressores têm algum tipo de patologia ou são consumidores de álcool e drogas: “Este é um mito que muitas das vezes precisa ser trabalhado até com as próprias vítimas que associam muito as práticas de violência ao facto do companheiro vir alcoolizado para casa. Quando apercebem-se que a violência também ocorre em circunstâncias em que ele não está alcoolizado começam também a desmontar esta ideia”.

Mulheres têm dificuldades em deixar a relação porque são masoquistas ou loucas: “Muitas vezes até não são dependentes financeiramente do ofensor mas não conseguem deixar a relação. Temos que perceber que o problema é muito mais complicado do que isso. Há um ciclo de violência em que existem momentos em que as coisas estão bem mas depois podem deteriorar-se. O agressor também pode tentar a reconciliação, promete que não vai voltar a exercer violência”.

Com a saída da relação a violência pára: “Não é uma certeza. Há casos em que a violência continua e de uma forma muito mais ameaçadora e com maior risco”.

Fala-se muito sobre violência doméstica: “A crença de que nós falamos tanto sobre violência doméstica que já um exagero é um mito a desconstruir porque nunca é demais falarmos destas questões de violência”.

A psicóloga e docente da Universidade Fernando Pessoa no Porto fez referência a outros mitos: “maridos e mulheres sempre se bateram, é natural e inevitável”, “normalmente a violência ocorre só uma vez” e “quando a agressão física pára tudo fica bem”.

“Há de facto um conjunto de mitos que ainda persistem e que não são de facto facilitadores de mudança nem da própria vítima nem da própria sociedade em geral”, nota a especialista.

SL Benfica e FC Porto defrontam-se no Domingo, no Estádio da Luz, num jogo que pode valer o título à equipa de André Villas-Boas, caso os portistas vençam o encontro.

Os dois clubes com mais títulos no futebol português, Benfica e FC Porto, têm quase 80 anos de história em "comum", desde o primeiro jogo que disputaram em 1931, num duelo que já teve 218 episódios.

No domingo, no Estádio da Luz, as duas equipas defrontam-se oficialmente pela 219.ª vez, num registo que apresenta ténue vantagem dos "dragões", com mais uma vitória do que o rival: 83 triunfos, contra 82, e 53 empates.

Os triunfos na Supertaça (2-0), no início da temporada, e na primeira volta da Liga (5-0), aumentaram a liderança dos azuis e brancos, mas os “encarnados” reduziram para a margem mínima com a vitória no Dragão (2-0), na primeira mão das meias-finais da Taça de Portugal.

Em tão longo percurso, a maior "fatia" de jogos aconteceu no Campeonato Nacional (153), seguindo-se a Taça de Portugal (32), a Supertaça (25), o extinto Campeonato de Portugal (sete) e a recém criada Taça da Liga (apenas um).

Distribuindo os êxitos dos dois emblemas pelas competições nacionais, o FC Porto domina na Liga, com mais seis vitórias (59 contra 53), no Campeonato de Portugal (4-3 em triunfos) e na Supertaça (13 contra cinco).

Já o Benfica tem supremacia na Taça de Portugal (20 vitórias e sete derrotas, num total de oito em nove finais ganhas) e na final da edição da Taça da Liga de 2009/10, a segunda no palmarés dos "encarnados" e primeira frente ao FC Porto.

Até meados da década de 80 do século passado, coube ao Benfica engrossar o palmarés e assumir um papel dominante no futebol nacional (em 1983/84 tinha mais 17 triunfos do que o FC Porto), até a chegada de Pinto da Costa ao comando do clube portuense.

Foi o início de um FC Porto forte e ganhador, com um domínio evidente nas duas décadas seguintes, o que também lhe permitiu não só acumular troféus nacionais e internacionais, mas chegar aos tempos de hoje à frente do Benfica no confronto directo entre os dois clubes.


Resumo de jogos (218):


- Liga Portuguesa (153 jogos):

FC Porto: 59 vitórias.
SL Benfica: 53 vitórias.

Empates: 41.


- Taça Portugal (32 jogos):

SL Benfica: 20 vitórias.
FC Porto: 7 vitórias.

Empates: 5.


- Supertaça (25 jogos):

FC Porto: 13 vitórias.
SL Benfica: 5 vitórias.

Empates: 7.


- Campeonato Portugal (7 jogos):

FC Porto: 4 vitórias.
SL Benfica: 3 vitórias.



- Taça da Liga (1 jogo).

SL Benfica: 1 vitória.



- GLOBAL:

SL Benfica: 82 vitórias.
FC Porto: 83 vitórias.

Empates: 53.

Teste: Veja como o cérebro é enganado (com vídeos)

Entenda cegueira de mudanças, fenômeno responsável por não enxergarmos coisas que estão debaixo de nosso nariz.

A matéria de capa da revista Galileu de abril cita o fenômeno chamado "cegueira de mudança", quando a pessoa não nota alterações muito óbvias em sua frente porque o cérebro tende a ignorar informações não importantes àquele contexto. Veja abaixo alguns exemplos claros desse fenômeno: Entenda cegueira de mudanças, fenômeno responsável por não enxergarmos coisas que estão debaixo de nosso nariz

A matéria de capa da revista Galileu de abril cita o fenômeno chamado "cegueira de mudança", quando a pessoa não nota alterações muito óbvias em sua frente porque o cérebro tende a ignorar informações não importantes àquele contexto.

Veja abaixo alguns exemplos claros desse fenômeno:


1 – O experimento mais famoso

Assista ao vídeo e conte os passes no jogo de basquete do time de camisa branca.

Veja novamente e verifique se você notou o urso que dança moonwalking no meio da partida. Esse teste foi desenvolvido por Daniel Simons em 1975 e mostrou que a maior parte das pessoas tendem a perder informações que não são buscadas pela visão ou que não parecem importar naquele contexto.

2 – Troca de recepcionista

Um recepcionista inteiramente diferente, com roupas distintas e com outra cor de cabelo e outra roupa não iria nos passar despercebido se mudasse de uma hora para outra, certo? Veja abaixo como você está errado.

3 – Pedindo informações

No vídeo abaixo, o ilusionista Derren Brown mostra como uma pessoa que pede informações, apesar de não percebemos não ser processada por nós em detalhes. Se há uma troca rápida, você nem percebe.

4 – Mudança de atendente

Comente e nos diga se você conseguiu perceber o urso que dança.

Arte: Artista cria retratos de cachorros usando pedaços de revistas

Samuel Price recorta páginas de revistas e jornais velhos para criar colagens realistasO artista Samuel Price, de São Francisco, nos Estados Unidos, usa pedaços de revistas velhas para fazer colagens que reproduzem as faces de carrochorros.

Imagem de cachorro criada com recortes de revista

Ao contrário de outras artistas que fazem esse tipo de colagem, Price não usa o computador como guia na hora de criar suas obras. Ele passa várias horas observando e coletando revistas, procurando o pedaço de papel com a cor e o tamanho ideal para se encaixar às suas necessidades. Com todos os papéis cortados, ele cola um por um em uma tela.

A carreira de Price como artista de colagem começou quando ele era jovem demais para conseguir pagar as tintas e telas necessárias para pintura. Assim, passou a rasgar revistas e páginas de jornal para colar em telas e pedaços de madeira. Ele fez isso por necessidade e porque "sempre acreditou no uso de materiais acessíveis como parte do processo instintivo de criar arte".

Veja algumas obras de Samuel Price:

Imagem de cachorro criada com recortes de revista

Imagem de cachorro criada com recortes de revista

Imagem de cachorro criada com recortes de revista

PSD: Passos Coelho diz que rejeitou PEC 4 "porque medidas não iam suficientemente longe" - Wall Street Journal

O líder do PSD explica que rejeitou as recentes medidas de austeridade propostas pelo Governo “não por irem longe de mais, mas porque não iam suficientemente longe”, num artigo de opinião no Wall Street Journal.

“A nosso ver, o último pacote de austeridade não iria potenciar o crescimento mas impor sacrifícios inaceitáveis aos membros mais vulneráveis da sociedade. Eram demasiados impostos e uma redução de despesa insuficiente”, refere, num artigo que será publicado na quarta-feira na edição impressa do Wall Street Journal.

No texto, Pedro Passos Coelho reitera o “compromisso firme” com as metas de redução do défice com que o Governo português se comprometeu e responsabiliza o executivo socialista pela crise financeira do país.

“Desde o início da crise financeira temos sido testemunhas da falta de vontade ou inabilidade do Governo para implementar as medidas necessárias para responder verdadeiramente aos problemas de Portugal e levar o país a um caminho de estabilidade”, afirma, dizendo que o país está atualmente dependente do financiamento do Banco Central Europeu e que poderá atingir este ano “um défice superior a 5 por cento, segundo a Comissão Europeia”.

No Wall Street Journal, Passos Coelho recorda o apoio do PSD a vários programas de austeridade do Governo mas lamenta não ter visto benefícios dessa ação do partido.

“Cada vez que apoiámos uma ação conjunta de aumentar a receita e reduzir a despesa, os aumentos de impostos foram rapidamente implementados enquanto a redução de gastos e as reformas orientadas para o crescimento foram sucessivamente adiadas”, disse.

“Esta combinação entre inação do Governo e negação não podia continuar”, acrescenta.

Foi por estas razões, explica, e pela forma como o Governo se comprometeu internacionalmente sem ter o necessário apoio interno, que os sociais-democratas votaram contra as mais recentes medidas de austeridade do executivo que, na sua opinião, não iam suficientemente longe.

“[As medidas] não se dirigiam ao coração do principal desafio económico de Portugal, que é assegurar que o crescimento anda de mãos dadas com a disciplina fiscal”, refere, acrescentando ainda que as últimas medidas apoiadas pelo PSD “não foram implementadas”.

Referindo que o país terá eleições “em maio ou junho”, o líder do PSD sublinha que esse será o momento de “fazer escolhas claras”, nomeadamente no que deve ser o papel do Estado e em que bases deve assentar a competitividade da economia.

“O PSD irá apresentar um programa claro e realista para responder aos problemas de Portugal”, promete Passos Coelho, dizendo que uma “ampla coligação (…) ajudará à confiança dos mercados e ao próprio processo político”.

“Não descansarei enquanto não conseguir esta coligação”, garantiu.

@LUSA

Visita Oficial: Carlos e Camilla ficam com chaves dentro do carro

O casal real plantou rosas em vasos
O príncipe Carlos de Inglaterra e a mulher, Camilla Parker Bowles, plantaram esta tarde uma rosa no palácio de Monserrate, em Sintra. Quando estavam para se ir embora, percebeu-se que as chaves do carro ficaram trancadas dentro da viatura...

A segurança apertada desta visita provocou um episódio que motivou o riso de muitas das pessoas que se encontravam no local, quando os seguranças deixaram a chave da viatura que transporta o casal inglês dentro do carro. Carlos e Camilla tiveram de deixar o palácio de Sintra numa outra viatura.

A chegada do casal real à vila histórica que o poeta inglês do século XIX, Lord Byron, apelidou de "glorioso Éden", dado o ambiente romântico do local, aconteceu por volta das 15:00 . À sua espera no Parque de Monserrate estavam duas centenas de pessoas, entre portugueses e ingleses - parte delas cantou os parabéns à ministra da Cultura que hoje assinalou o 50.º aniversário -, além da ministra do Ambiente e do presidente da câmara de Sintra."Sintra tem este misticismo", comentou o príncipe enquanto apontava para a verdejante paisagem envolvente.

Inicialmente estava previsto que o casal plantasse duas rosas no novo roseiral de Monserrate, que ocupa uma área de seis mil metros quadrados, contando 800 roseiras de 200 variedades mas, as medidas de segurança ditaram que esta iniciativa fosse reduzida a dois vasos junto ao palácio.

De seguida o casal visitou o palácio, construído no século XVIII pelo comerciante inglês Gerard de Visme, e restaurado um século depois pelo também britânico Francis Cook. João Talone, um dos responsáveis da associação "Amigos de Monserrate", explicou ao príncipe o trabalho que tem sido desenvolvido na recuperação deste espaço.

"O príncipe Carlos disse-nos que nunca tinha vindo cá, e que é uma pena que não tenha tido mais tempo", disse João Talone à agência Lusa.

Para o presidente da Câmara de Sintra, Fernando Seara, o casal britânico mostrou "a sua extrema simpatia", tendo o príncipe Carlos expressado a sua "vontade em voltar" a Sintra numa próxima visita a Portugal.