domingo, 29 de agosto de 2010

Efeitos do Sal na Nossa Saúde

O nosso famoso sal de cozinha é composto basicamente de cloreto de sódio (NaCl). É o principal vilão da hipertensão. O problema não é exatamente o sal, mas sim o sódio presente nele.

A hipertensão é um assunto extenso e merece um tópico só para ela. Aqui vou me ater apenas ao sal.

As populações que apresentam baixa ingestão de sódio, praticamente não apresentam casos de hipertensão. Nossa dieta contém muito mais sódio do que o necessário. Temos um paladar que foi acostumado a grandes quantidades de sal desde a infância que não notamos o quanto nossa comida é salgada.

Sal e hipertensãoPraticamente todos os meus pacientes, quando eu peço para reduzir o consumo, afirmam já comer pouco sal. 99% estão enganados. Se você vive no mundo ocidental e consome queijos, molho de tomate, comida congelada, come em restaurantes, consome fast food, biscoitos, comida enlatada e muitos outros alimentos facilmente encontrados nos supermercados, você tem uma dieta hipersódica (excesso de sal). Você apenas não sabe disso porque seu paladar está adaptado a altas concentrações de sódio.

A quantidade máxima de sódio recomendada é de 2,4 gramas por dia, o equivalente a 6 gramas de sal. Para se ter uma idéia, aquele saquinho de sal, branco e quadradinho, que existe em todo restaurante, possui 1g de sal. Pessoas hipertensas, cirróticos, renais crônicos ou com insuficiência cardíaca devem consumir menos de 1,5 gramas de sódio/dia. A população ocidental consome em média de 9 a 15g de sal por dia.

Os efeitos do sal são diferentes em cada indivíduo, mas alguns grupos apresentam maior sensibilidade: negros, obesos e doentes renais crônicos.

Além de provocar hipertensão, o sal também atrapalha o seu tratamento ao inativar alguns anti-hipertensivos. Isso acontece principalmente na família dos diuréticos e dos IECA (captopril e enalapril são os mais famosos).

Além das consequências da hipertensão, o excesso de sódio também está relacionado a:

- AVC (derrames) (leia: ENTENDA O AVC - ACIDENTE VASCULAR CEREBRAL)
- Insuficiência renal (leia: INSUFICIÊNCIA RENAL CRÔNICA - SINTOMAS)
- Insuficiência cardíaca (leia: INSUFICIÊNCIA CARDÍACA - CAUSAS E SINTOMAS)
- Câncer de estômago
- Pedras nos rins (leia: SINTOMAS DO CÁLCULO RENAL / PEDRA NOS RINS)
- Diabetes (leia: DIAGNÓSTICO E SINTOMAS DO DIABETES MELLITUS)
- Asma
- Osteoporose (leia: SINTOMAS E TRATAMENTO DA OSTEOPOROSE)

Devido aos problemas do sódio, o chamado sal light, composto por cloreto de potássio (Kcl), vem ganhando adeptos. O nome light não é bom e causa confusão, pois o termo normalmente é dado a alimentos de baixo valor calórico. Na verdade o sal light, não é cloreto de potássio puro, ele é uma mistura com cloreto de sódio, porque o gosto do potássio é muito azedo.

Trabalhos científicos mostram que uma maior ingestão de potássio, ao contrário do sódio, protege contra a hipertensão. Alimentos industrializados costumam ser ricos em sódio e pobres em potássio, enquanto que nas frutas e nos vegetais ocorre o oposto.

Mas existe um risco. O potássio em grandes quantidades pode ser letal. Tanto que nos países com pena de morte, o medicamento usado nas injeções letais é o próprio cloreto de potássio, obviamente em quantidades muito elevadas.

Em geral quem controla as concentrações de potássio no nosso sangue são os rins. Se ingerirmos mais potássio que o necessário, o excesso sai na urina. O problema são os pacientes com doenças renais, que não conseguem controlar bem o potássio sanguíneo. Nesses, o KCl é contra-indicado. Pessoas com boa função dos rins não correm risco.

Como a hipertensão é causa de insuficiência renal, assim como, a insuficiência renal leva a hipertensão, não é incomum encontrarmos pacientes com as duas patologias ao mesmo tempo. Por isso, se você é hipertenso ou apresenta fator de risco para doença renal, dose sua creatinina antes de tomar suplementos que contenham potássio (leia: VOCÊ SABE O QUE É CREATININA ?)

Bom, resumindo: O ideal é cortar o sal da dieta, ingerir menos de 6 gramas por dia e associar a uma alimentação rica em frutas e verduras. O sal light faz menos mal que o sal comum, mas ainda contém, mesmo que em menor quantidade, cloreto de sódio. O mais importante é uma reeducação do paladar para não sentir tanta falta do sabor salgado.

Leia mais: http://www.mdsaude.com/2008/09/sal.html#ixzz0xzPH5imP

Vacina H1N1 e o Síndroma GBS


“– Neurologista Britânico
Um dos possíveis efeitos secundários da vacina H1N1 é o síndroma de Guillian-Barre, o síndroma que matou e incapacitou centenas da Americanos na campanha de vacinação H1N1 em 1979 com 500 casos confirmados deste síndroma, a vacina foi retirada do mercado 10 dias depois após vacinarem 48 milhões de pessoas, tendo feito mais vitimas que o vírus H1N1.
Este síndroma ataca directamente o sistema nervoso causando problemas de respiração, paralisia e até a morte.
Esta mensagem anda a circular pela Internet portuguesa, sob o título: “Eu não tomaria a vacina H1N1 pelo simples risco do síndroma GBS”
Esta gripe é comparada à gripe Espanhola de 1919 que matou mais de 20 milhões de pessoas. A gripe Espanhola é falada referindo o numero de mortes e não o numero de contaminados. A percentagem de morte foi de 2,5% o que significa que 97,5% dos contaminados recuperaram. A actual gripe A tem uma mortalidade de 0,05, o que significa que 99,95% dos contaminados recuperam. Isto significa que não há necessidade de arriscar os efeitos secundários de uma vacinação.
Sabiam que a gripe Espanhola apareceu nos EUA após um programa de vacinação e que os únicos países não afectados foram os que não usaram essa vacina (info)?
Sabiam que o primeiro efeito da vacina da gripe sazonal é apanhar uma ligeira gripe? Qual será o efeito da nova vacina H1N1?
Sabiam que a primeira vacina há 150 anos para combater o Sarampo, desencadeou uma epidemia de Sarampo que matou centenas de milhares de pessoas?
Sabiam que a organização mundial de saúde pode depor governos de 194 países do mundo por forma a impor uma vacinação pela força em caso de recusa popular?
Os testes da vacina H1N1 já começaram nos EUA, mas não são testes em laboratórios, são testes em humanos onde as crianças estão a ser vacinas em casos específicos:
1- Com conhecimento dos pais: Quando os pais dão os filhos como voluntários para vacinação.
2- Sem o conhecimento dos pais: Quando autorizam a entrada dos filhos em desportos escolares, assinando autorizações sem as ler. Essas autorizações referem a vacinação teste como obrigatória.
Inglaterra recebeu já 200,000 doses para começarem a testar na população e nos humanos não há sociedades que nos protejam de testes médicos, como fazem aos animais.
Apesar de a gripe Suína em Inglaterra ter morto unicamente 5% em relação às que morrem de gripe normal, a vacina contra a gripe suína será obrigatória, a vacina normal não!
Ora se fosse para nos ajudar, tornariam a vacina normal obrigatória e não a Suína.
Nos EUA a loucura começou… Em alguns estados como Maryland, a vacina é obrigatória a todas as crianças, qualquer criança não vacinada não poderá frequentar a escola. Qualquer pai que se recuse a vacinar os seus filho, poderá ser preso por atentado contra a saúde pública. Mas em Massachusetts, quem recusar a vacina irá ser multado até 1.000 dólares por dia e em desobediência continuada será detido por 30 dias e vacinado compulsivamente.
Vocês podem recusar a vacina, mesmo que o estado a torne obrigatória. O Estado tal como a policia existem e actuam por consentimento, a população tem de consentir por forma a dar-lhe o poder. Não consintam, pacificamente digam NÃO se acham que o devem dizer.
Não há perigo, hoje afirmo-o. Se houvesse perigo da mistura entre o vírus da gripe suína e o vírus da gripe normal, teriam morrido milhões no hemisfério sul, sim pois o inverno está a acabar lá. Liguem a TV, alguém fala disso? Alguém vos diz que não existiram mortes fora do normal? No hemisfério sul nada aconteceu, tal como nada acontecerá aqui, mas a vacina tem efeitos secundários que podem até matar.
O inverno deles tem os mesmos efeitos que o nosso e os dados vindos de lá, apontam para um numero normal de mortes quer da gripe sazonal quer da gripe suína.
Vale a pena arriscar a saúde e a vida por causa de 0,05% de chances de contaminação mortal por H1N1?
Façam as vossas contas!”
Análise:
1. Existe mesmo um síndrome de Guillain-Barré ou polirradiculoneurite aguda. A doença é caraterizada por uma inflamação aguda com perda de mielina, um componente das membranas que permitem a transmissão do estímulo nervoso no sistema nervoso periférico. Este síndrome afeta em particular as transmissões nervosas na cabeça, pescoço e vísceras. A designação vem do nome de dois médicos franceses que em 1916 identificaram a doença. Nos anos seguintes, recolheram-se mais informações sobre a doença, e estabeleceu-se que problemas com os músculos dos membros e até a respiração, a deglutição, o trato urinário, o coração e os olhos, eram sintomas do ataque desta enfermidade. O síndrome tem um carácter auto-imune, em que o corpo do paciente acaba a fabricar anticorpos que atacam a sua própria mielina. Esta, é assim reduzida, e os nervos que a perdem deixam de poder transmitir sinais nervosos com a devida eficácia. Um outro sintoma correlacionado é a perda de sensibilidade na pele, quer de dor, quer de calor e frio, já que a perda de mielina reduz também a transmissão de sinais entre as extremidades nervosas e o sistema nervoso central. A incidência deste síndroma é relativamente elevada havendo entre 2 a 4 casos por cada cem mil habitantes, isto em condições normais. Mas nos finais de 1976, e no decurso de uma campanha de vacinação contra a gripe comum (Influenza), o programa foi interrompido e as autoridades sanitárias norte-americanas deram início a um “programa de vigilância” contra o síndroma de Guillian-Barre (GBS). A vigilância cobriu 1098 doentes com GBS e durou até 1977 tendo sido constatado que 532 destes doentes tinham efetivamente recebido a vacinação contra a estirpe A/New Jersey e 391 que não tinham recebido de todo qualquer vacinação. Dados epidemiológicos então recolhidos concluíram pela existência de uma relação entre a vacina e o GBS sendo esta relação especialmente notória entre a população adulta e masculina vacinada contra a gripe. Na época concluiu-se que haveria um ratio de 1 caso em 100 mil, havendo uma concentração deste risco nas cinco semanas imediatamente subsequentes à vacinação. Em suma, oficialmente não foi demonstrada uma relação entre o GBS e a vacinação. Na época, de mais de 12,5 milhões de doses de vacinas então administradas e a taxa de incidência foi muito inferior aos 0,05% de hipóteses referidas na mensagem…
2. A campanha de vacinação de 1976 foi efetivamente interrompida, mas em dezembro desse ano, não em 1979, conforme afirma a mensagem.
3. “mais vitimas que o vírus H1N1″ significa exatamente o quê? Mais vítimas mortais que a Gripe Sazonal nesse ano, nos EUA? Se assim é (e presumindo que este mail é uma tradução quase literal de uma mensagem originalmente elaborada nos EUA), nos EUA, todos os anos, e em média entre 5% a 20% da população apanha a Gripe sazonal, destes, mais de 200 mil são hospitalizados e 36 mil chegam a falecer, por complicações decorrentes da Gripe Sazonal! Só nos EUA! O síndrome de Guillain-Barré provocou a morte a pouco mais de mil doentes, nos EUA, logo não é mais perigoso que a própria vacina sazonal.
4. “Esta gripe é comparada à gripe Espanhola de 1919 que matou mais de 20 milhões de pessoas. A gripe Espanhola é falada referindo o numero de mortes e não o numero de contaminados. A percentagem de morte foi de 2,5% o que significa que 97,5% dos contaminados recuperaram. A actual gripe A tem uma mortalidade de 0,05, o que significa que 99,95% dos contaminados recuperam. Isto significa que não há necessidade de arriscar os efeitos secundários de uma vacinação. Sabiam que a gripe Espanhola apareceu nos EUA após um programa de vacinação e que os únicos países não afectados foram os que não usaram essa vacina (info)?”
A Gripe Espanhola foi de facto uma epidemia de Gripe que partindo de uma estirpe invulgarmente violenta e letal do H1N1 se propagou pela maior parte do globo. Este vírus exercia o seu poder assassino através de uma autêntica “tempestade de citocina“, ou seja, através de uma reação imunitária exagerada do corpo o que explicaria o facto da maior parte das vítimas mortais serem adultos, onde o sistema imunitário estaria já plenamente desenvolvido. A sua origem é ainda essencialmente desconhecida, pelo que não está de todo estabelecida a sua ligação com uma campanha de vacinação então ensaiado, ao contrário do que alega esta mensagem…  Se aqui já é duvidoso que a mensagem se mantinha nos limites da credibilidade, então, quando declara que “os únicos países não afectados foram os que não usaram essa vacina”então penetra totalmente no rumo do delírio absoluto. A Gripe Espanhola penetrou, por exemplo, no Ártico e até nas mais remotas ilhas do Pacífico Sul, paragens que então, não se encontravam tão facilmente acessíveis como o são hoje! No total, estima-se que a Gripe Espanhola causou a morte a entre 50 a 100 milhões de pessoas, em todo o globo, contaminando mais de 500 milhões de pessoas, ou seja, um espantoso (e temível) terço de uma população mundial que então rondava os 1,6 biliões de almas. Ou seja, até no campo do alarmismo a mensagem é errada… A Gripe Espanhola não matou 20 milhões de pessoas, mas mais de o dobro, ou até talvez o triplo desse número! A este propósito, um dos rumores que corre é que o vírus da Gripe A é o produto de uma experimentação a partir de tecidos congelados de vítimas da Gripe Espanhola…
5. “Sabiam que a primeira vacina há 150 anos para combater o Sarampo, desencadeou uma epidemia de Sarampo que matou centenas de milhares de pessoas?” A primeira vacinação contra o Sarampo,ocorreu em 1963. Isso não é exatamente, 150 anos… E não houve tal “morte de centenas de milhares de pessoas”. Simplesmente. Esse mito tem a sua fonte numa corrente anti-vacinas, de fundo na “medicina homeopática” e que ainda que tenha alguma relevância no contexto de uma vacina contra a Gripe A que efetivamente não passou por um processo de ensaios clínicos antes de ser injetada em milhões de pessoas (com a alegação que era muito semelhante à vacina contra a Gripe Sazonal) a verdade é que esta alegação quanto à primeira vacinação do Sarampo é pura e simplesmente falsa.
6. “Sabiam que a organização mundial de saúde pode depor governos de 194 países do mundo por forma a impor uma vacinação pela força em caso de recusa popular?”De novo, estamos perante uma recomposição de uma mensagem e de uma alegação que corre na Internet pelo menos desde 2005. A teoria alega que a OMS (“World Health Organization”) tem desde 2005 que o poder para dissolver qualquer governo do mundo e assumir a governação em caso de “pandemia”. Estes países têm que ser membros da OMS. A alegação aparece profusamente em sites norte-americanos de extrema direita e de combate contra o “serviço nacional de saúde” de Obama.
O documento onde surgiria esta informação estaria aqui: http://www.scribd.com/doc/17484016/WHO-Checklist-For-Influenza-Pandemic-Preparedness-Planning?autodown=pdf com o título “WHO Checklist For Influenza Pandemic Preparedness Planning” que não refere nada semelhante, mas que pode ter estado na base deste mito/hoax, mas na página 15 aparece a frase:
“Durante uma pandemia, pode ser necessário ultrapassar as legislações existentes ou os direitos humanos (individuais). Exemplos são a aplicação de quarentena (sobrepondo-se à liberdade individual de movimentos), o uso de hospitais privados, a licença de drogas não licenciadas, a vacinação compulsiva ou a implementação de turnos em serviços de emergência.” A frase é grave, mas quem faz esta “ultrapassagem pela Direita” não é a OMS, mas os governos democráticos e eleitos e a frase consta num documento de “checklist” com recomendações da OMS para estes governos. Compreende-se a confusão, mas há aqui alguma má fé nesta interpretação…
7. “Os testes da vacina H1N1 já começaram nos EUA, mas não são testes em laboratórios, são testes em humanos onde as crianças estão a ser vacinas em casos específicos”Isso não é exato… A vacina está a ser dada a crianças nos EUA (como no resto do mundo) porque estas fazem parte de um grupo de risco. Há uma parcela de verdade nesta frase, como de resto em todo este mail, mas apenas isso… De facto, como não houve um processo formal de testes clínicos, as crianças que recebem agora esta vacina estão a ser cobaias, mas daí a dizer-se que “estão a testar a vacina em crianças”, como daqui se quer inferir… Vai um grande salto. A vacina está a ser testada efetivamente em todos os que a tomam, havendo a convicção nas entidades oficiais que o risco é baixo porque a vacina é (diz-se) muito semelhante à da Gripe Sazonal e os efeitos secundários e os seus riscos são bem conhecidos, logo, esta vacina pode dispensar esse processo lento e cuidadoso de testes clínicos.
8. “Em alguns estados como Maryland, a vacina é obrigatória a todas as crianças, qualquer criança não vacinada não poderá frequentar a escola.”
Falso… Como se pode ver aqui. Isto não quer dizer que não possa ser assim num futuro próximo, mas atualmente não é verdade. E se se fala de Maryland aqui é porque este foi o primeiro Estado dos EUA a receber duas mil doses, a serem administradas nas escolas públicas de Baltimore City, Baltimore County e Harford County. Mas deixando aos pais o direito de recusarem a vacinação e sem penalizações em caso de recusa. Estas crianças são prioritárias nesta primeira vacinação, mas não são algo obrigatório…
9. “Se houvesse perigo da mistura entre o vírus da gripe suína e o vírus da gripe normal, teriam morrido milhões no hemisfério sul, sim pois o inverno está a acabar lá. Liguem a TV, alguém fala disso? Alguém vos diz que não existiram mortes fora do normal? No hemisfério sul nada aconteceu, tal como nada acontecerá aqui, mas a vacina tem efeitos secundários que podem até matar.”Aqui a mensagem é completamente verdadeira… O Inverno Austral já terminou e de facto, não houve mais mortes aqui por Gripe A do que por Gripe Sazonal. Na Argentina, terão morrido um pouco menos de 500 pessoas, e na Austrália e Nova Zelândia esse número não chegou às duas centenas. Menos, de facto, do que as que morreram por sintomas relacionados com casos de Gripe Sazonal!
10. “Vale a pena arriscar a saúde e a vida por causa de 0,05% de chances de contaminação mortal por H1N1?”
Essa é que é a verdadeira questão… A própria OMS admite no seu mais recente “update” sobre a Pandemia que “até 17 de outubro de 2009, em todo o mundo houve mais de 414 mil casos confirmados laboratorialmente e perto de cinco mil mortos”. Ou seja… O tom da frase desta mensagem confirma-se, ainda que possa haver alguma divergência quanto à mortalidade percentual da Gripe A. Dos infetados, no mundo, 0,7% vêm a falecer de complicações decorrentes, com extremos estatísticos como o Brasil (mais de 4%) e Reino Unido (menos de 0,02%), variações que se prendem sobretudo com a qualidade da prevenção, o Inverno Austral e a eficácia dos sistemas públicos de Saúde. Ou seja, o tom continua correto, mas… A taxa de mortalidade pós-infeção é de facto superior ao afirmado.
Em Suma:
O tom da mensagem é alarmista, incorre em diversas inverdades intencionais e no geral, não merece grande crédito.

A Cor do Dinheiro...

Mulher ao Volante...

Os Irmãos Dalton

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Braga na Champions


Num jogo verdadeiramente histórico, o Braga conseguiu bater o pé ao poderoso Sevilha e levar o bilhete dourado que lhe permite estar pela primeira vez entre os grandes da Europa. 4-3 foi o resultado favorável à equipa de Domingos Paciência.
Tal como se previa, o Sevilha entrou no Sánchez-Pizjuán a todo o gás e sufocou o Braga nos primeiros minutos. No entanto, cedo o Braga mostrou que estaria sempre pronto a espreitar o contra-ataque e surpreender os espanhóis.
À beira dos 15’, Matheus ganhou na raça e quase conseguiu o remate para o 1-0, cortado no último momento pelo central do Sevilha. Foi a primeira ocasião flagrante de golo e a resposta do Sevilha veio por Fabiano, com o avançado a adiantar-se a Felipe e a ficar muito perto de inaugurar o marcador.
Aos 22’, Jesus Navas deixou Luís Fabiano na cara de Felipe, mas o brasileiro do Sevilha esqueceu-se da bola e deixou escapar uma oportunidade flagrante para mexer no marcador.
O Braga não se mostrava amedrontado e deu sempre resposta à equipa de Alvarez, com Matheus sempre em destaque e a recorrer à velocidade para deixar a cabeça em água aos defesas espanhóis.
Tanto o avançado do Braga batalhou que acabou por receber o prémio à passagem da meia hora. Paulo César conduziu a jogada de ataque e fez o remate à entrada da área, Palop não segurou e Matheus, sempre oportunista, empurrou para o 1-0, levando a festa aos cerca de 1500 adeptos portugueses presentes na cidade andaluz. 
À entrada para o segundo tempo o cronómetro começou a correr a favor dos bracarenses, mas não se pense que a equipa de Domingos em alguma altura se desnorteou com a pressão sevilhana. Aguentou, soube esperar para responder e voltou a calar o Sánchez-Pizjuán.
Em contra-ataque e apanhando o Sevilha balanceado no ataque, Lima aproveitou um cruzamento milimétrico para fazer o 2-0 e praticamente selar a eliminatória.
O Sevilha sentiu logicamente o golo e os milhões da Champions escaparem por entre os dedos, mas reagiu da melhor maneira e empurrado pelas gargantas incansáveis do Sánchez-Pizjuán conseguiu reduzir a desvantagem logo de seguida por intermédio do inevitável Luís Fabiano.
Era a pior fase do Braga e poucos minutos depois José Carlos voltou a assustar Felipe ao enviar com estrondo à barra. O Sevilha empurrou o Braga às cordas e sucederam-se os lances perigo junto da baliza minhota. 
Jesus Navas já tinha ameaçado e com 5 minutos para jogar repôs a igualdade no marcador, enganando Elderson ao aparecer nas suas costas e rematando sem hipótese para Felipe.
Se se pensava que seriam minutos de sufoco até final para o Braga, Lima tratou imediatamente de desfazer esse equívoco. Sílvio isolou-o e o brasileiro contornou Palop e atirou para a baliza deserta. Era o 3-2 final perante o desespero dos jogadores do Sevilha. 
Lima ainda quis fazer história em cima da história e completou o hat-trick sobre os 90’. Canto de Alan e o brasileiro a aparecer ao primeiro poste a desviar sem hipótese para Palop. O jogo parecia louco e Kanouté ainda foi a tempo de fechar a contagem, embora de pouco valesse no que diz respeito ao desfecho da eliminatória.
Depois de já ter vencido por 1-0  na Pedreira, em Braga,  o apito final em Sevilha foi histórico e a equipa de Domingos há-de ficar na história do clube pelo feito concretizado esta noite: em 89 anos de história é a primeira vez que o SC Braga chega à prova mais importante da UEFA, a Liga dos Campeões.

Toshiba prepara-se para o 3D sem óculos

A Toshiba prepara-se para entrar no mundo a três dimensões com uma televisão de 21 polegadas que não vai necessitar de óculos.




Os óculos podem ter os dias contados nos novos televisores com tecnologia 3D que a Toshiba pretende lançar no mercado. Segundo a imprensa japonesa esta é a primeira vez que tal sucede, uma vez que até ao momento todos os aparelhos existentes necessitam de óculos para ter a noção de tridimensionalidade.

Para deixar de recorrer aos óculos, a empresa usa um dispositivo óptico, na superfície do écran, que permite orientar os feixes de luz de modo a que os espectadores tenham uma imagem em relevo com pelo menos nove ângulos diferentes.

Por enquanto ainda não há datas para o lançamento, mas a marca não esconde os avanços que está a efectuar nesta área. Já em Abril a Toshiba Mobile Display, apresentava um protótipo do écran deste género com 21 polegadas.

"O desenvolvimento de uma televisão 3D sem óculos não é apenas um simples programa, é um empenho industrial", afirmou recentemente um investigador da Toshiba.

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Ronaldo recebe visita da namorada em Madrid


Ronaldo recebe visita da namorada em Madrid
Na bancada VIP, Ronaldo e Irina trocaram olhares cúmplices
 
O craque do Real Madrid e Irina Shayk assistiram ontem, domingo, a uma partida de basquetebol  entre a selecção espanhola e a dos Estados Unidos, na capital espanhola.
Contrariando algumas notícias que questionavam a continuidade do namoro, Cristiano Ronaldo e a beldade russa fizeram a sua primeira aparição pública em Espanha.
Ontem, domingo, o casal marcou presença nas bancadas da  Caixa Mágica, em Madrid, para assistir ao vivo ao jogo de basquetebol entre  a selecção espanhola e os Estados Unidos.
Dispensado do jogo do Real Madrid ante o Hércules (a contar para o Troféu Cidade de Alicante), o avançado merengue aproveitou o tempo livre para mimar Irina.
Na tribuna VIP, CR7 e a amada trocaram algumas palavras, mas as gargalhadas e olhares cúmplices davam a entender que não teriam a ver com a partida.
Os dois abandonaram o recinto antes do encontro, talvez para evitarem as abordagens no final, fotografias e também perguntas indiscretas da imprensa, até porque correm novos rumores sobre alegadas infidelidades do galáctico português.
Desta vez, Cristiano Ronaldo ter-se-á relacionado com a modelo inglesa Rhian Sugden que, segundo o jornal "The Sun", conheceu antes de Irina e com quem se vem enamorando através de mensagens de telemóvel.
Apesar desse novo dado na vida de Ronaldo, verdadeiro ou não, certo é que as últimas imagens dele com Irina demonstram que o amor continua de pedra e cal.

Chegamos...

Roberto o Assassino da Aguia...

Homem entrou num forno aquecido a 250º na recriação do 'milagre' da Urgueira

Na pequena aldeia da Urgueira, situada na Serra do Caramulo, a Associação Etnográfica Os Serranos promove desde 1996 a recriação de um milagre que remonta ao final do século XIX, mas que durante cerca de 100 anos esteve inativa.

Num forno comunitário aquecido durante três dias, Manuel Farias, presidente da coletividade organizadora, entrou no seu interior para depositar uma broa com cerca de 80 quilogramas, que depois de cozida foi cortada em pedaços para distribuir pelos romeiros.


"Ao entrar no forno não há sensações nem emoções. Não há euforia nem inibição, não há tristeza nem alegria e não há frio nem calor. Temos de ir completamente bloqueados à emoção e à sensação", explicou à agência Lusa, momentos depois de ter entrado e saído do forno, cuja temperatura oscilava entre os 250 e os 300 graus.


Salientando que o segredo é o autodomínio, com a respiração suspensa durante cerca de 15 segundos, Manuel Farias conta que quando sai do forno é como se lhe tivessem "despejado um balde de água pelo corpo abaixo, porque a transpiração é tão intensa que a água escorre-nos pelo corpo".

A entrada no forno é feita com um fato típico de romaria, uma boina com proteção para as orelhas e um cravo na boca.

"O cravo é apenas para trincar e assim não abrir a boca, o que poderia causar lesões", explica Manuel Farias, acrescentando que, antigamente, o aventureiro que entrava no forno tinha por hábito tirar um cravo do andor da Senhor da Guia para levar na boca.


A recriação do milagre remonta ao final do século XIX, quando na pequena aldeia da Urgueira foi construída uma capela e um forno comunitário em louvor à Senhora da Guia, mandada construir por um casal que escapou a uma tempestade no Atlântico quando regressava de barco do Brasil.

Mas uma tragédia ocorrida em 1904, em que morreu um homem durante o ritual de entrada no forno, manteve a tradição interrompida até 1996, altura em que foi recuperada pela Associação Etnográfica Os Serranos que, simultaneamente, organiza um festival de folclore.

Rodeado de árvores e sombras, o local é aproveitado para piqueniques e folclore com a atuação de vários ranchos etnográficos, numa jornada de cariz popular que começa com a celebração de missa e uma procissão em redor do forno.

A romaria atrai milhares de pessoas ao longo de todo o dia, algumas vindas do estrangeiro, como é o caso de Manuel Marques dos Reis, de 72 anos, neto do casal que mandou construir a capela e o forno, que anualmente se desloca do Brasil para participar na iniciativa e rever os amigos.

Entusiasta das tradições etnográficas e culturais de Portugal, Filomena Paiva deslocou-se de Gaia para, pela primeira vez, assistir à recriação do "milagre" da Urgueira e testemunhar que "as coisas pequenas são belas".
A jovem Daniela Fernandes, de 16 anos, residente em Londres, não escondia a satisfação e interrogava-se como é o "senhor conseguir ir dentro do forno".

"Devia estar muito calor lá dentro. Não sei como é que ele fez aquilo", enfatizou a jovem, que estava acompanhada da família. 

domingo, 22 de agosto de 2010

Casal de amantes cai da janela enquanto fazia sexo na Alemanha


'Nós só estávamos brincando', afirmou a mulher.
Mas vizinhos relataram para a polícia que viram o casal fazendo sexo.


Um casal de amantes caiu da janela do apartamento enquanto mantinha relações sexuais na cidade de Lübeck, na Alemanha. O homem e a mulher que não tiveram os nomes divulgados caíram de uma altura de cinco metros, segundo reportagem do jornal alemão "Bild".
Casal foi levado para o hospital com ferimentos.Casal foi levado para o hospital com ferimentos. (Foto: Reprodução)
A mulher, que é casada, negou que estivesse mantendo relações sexuais, apesar de vizinhos relatarem para a polícia que viram o casal fazendo sexo. "Não estávamos fazendo sexo. Nós só estávamos brincando", afirmou a mulher para o jornal.
Com alguns ferimentos, os dois amantes foram levados para o mesmo hospital. Curiosamente, o marido da mulher também estava internado no hospital, recuperando-se de uma queda ocorrida alguns dias antes.

Dupla é presa por fingir queda no chão e tentar processar mercado


Duas mulheres foram presas no condado de Brevard, no estado da Flórida (EUA), acusadas de encenarem uma queda de uma delas e tentarem processar a rede de supermercados Publix, segundo reportagem da emissora de TV "ABC Action News".
Mulheres encenaram queda em supermercado na Flórida.Mulheres encenaram queda em supermercado na Flórida. (Foto: Reprodução)
O incidente foi flagrado pelas câmeras de segurança do supermercado. As duas mulheres detidas foram identificadas como sendo Johnella Howard, de 72 anos, e Susan Snow, de 68. Após simularem a queda, elas tentaram processar o Publix.
O vídeo mostra Johnella deitando lentamente no chão. Antes de deitar, ela ainda ajusta o cabelo. Em seguida, a cúmplice Susan empurra seu carrinho de compras para procurar ajuda. Semanas depois, a dupla mandou uma carta exigindo US$ 300 mil de indenização.

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Sporting nos cornos do touro...

Entra no túnel...


Drª Isabel Alçada, a Mulher das Limpezas

Universo vai transformar-se num espaço infinito, frio e sem vida


O Universo vai expandir-se para sempre e transformar-se num espaço infinito, frio e sem vida, avança um estudo publicado esta quinta-feira.
A hipótese é considerada como provável pelos cientistas autores do estudo, que será tema da próxima edição da revista Nature.

Um trabalho liderado pela NASA conseguiu estimar a quantidade de energia negra no cosmos: 75 por cento.

O estudo agora divulgado consistiu em tentar medir essa energia invisível, responsável pela expansão do Universo, e estimar a distribuição que tem no espaço.

Para isso, os cientistas recorreram a uma espécie de lupa astronómica, uma lente galáctica composta por um enorme conjunto de galáxias conhecido como “Abell 1689”.

Os autores usaram a forma como a luz de estrelas distantes é distorcida por essa concentração de galáxias para estimarem a quantidade de energia negra existente no Universo. Isto porque a concentração de corpos celestes obriga a luz a curvar-se, permitindo ver o que se passa atrás deles.

O percurso da luz também é afectado pela distância a que está o objecto observado e pela distribuição de energia negra.

Os astrónomos calcularam as duas primeiras variáveis, usando o telescópio hubble, o que lhes permitiu estimar o terceiro factor, a tal distribuição da energia negra.

É com essa estimativa nas mãos que os cientistas afirmam neste estudo, divulgado na BBC, que o Universo vai continuar a expandir-se para sempre, transformando-se num espaço infinito, sem vida e muito frio, com temperaturas próximas daquilo a que a ciência chama o “zero absoluto”, o limite mínimo de temperatura do Universo, ou seja, cerca de 270 graus celsius negativos.

Hugo Neutel

Sporting perde em casa para a Liga Europa


O Sporting complicou hoje as suas aspirações por um lugar na Liga Europa, ao perder em casa por 0-2 com o Brondby, em jogo referente à primeira mão do play-off de acesso à competição.
A história escrita diante do Nordsjaelland não se repetiu esta noite com o Brondby e os dinamarqueses conseguiram mesmo surpreender o leão em pleno estádio de Alvalade, com uma demonstração de frieza e inteligências sem paralelo no Sporting.
Kristiansen, aos 43’, e Jallow, aos 52’, fizeram os golos que gelaram o ambiente em Alvalade, que se preencheu hoje com 20057 espectadores.
A vontade evidenciada pelos jogadores de Paulo Sérgio não teve expressão real em golos, como pedira o treinador do Sporting antes do desafio. Depois do desaire com o Paços de Ferreira na estreia da Liga, os leões deixaram Polga de fora e surgiu André Santos no onze, recuando assim Carriço para a defesa, onde fez dupla com Nuno André Coelho.
Contudo, a troca não trouxe maior dinamismo. De facto, o meio-campo leonino acusou falta de tranquilidade e de ideias, gerando muitas bolas perdidas e bem exploradas pelo Brondby.
Confirmando os piores receios leoninos – são mesmo superiores aos compatriotas do Nordsjaelland -, os dinamarqueses do Brondby deram uma lição de contra-ataque bem escudada por um guardião inspirado, Andersen. O primeiro balde de água fria surgiu aos 43 minutos, com um belo remate em jeito e de fora da área de Kristiansen.
O intervalo chegou com os leões em desvantagem e trouxe também os assobios dos adeptos, que cresceram de tom com o segundo golo do Brondby. Aos 52’ Kristiansen tenta a sua sorte de longe, Rui Patrício não consegue segurar e Jallow aparece isolado para fazer a recarga certeira, deixando a nu as fragilidades defensivas do Sporting.
Curiosamente, foi a perder que os leões despertaram e começaram a criar perigo. Entre os 64 e os 68 minutos, Liedson e Nuno André Coelho desperdiçaram várias ocasiões, com o azar a bater à porta do Sporting, face à bola ao poste do Levezinho, e a inspiração de Andersen na baliza.
No entanto, os leões também têm algumas queixas do árbitro austríaco Robert Schörgenhofer a não sancionar um lance que deixa a impressão de penálti, com um derrube a João Pereira na área dinamarquesa.
Leão do Sporting
Depois deste período, o Sporting começou a perder o fulgor e nem as apostas em Yannick, Vukcevic e Saleiro foram capazes de contrariar o destino traçado ao Sporting por um Brondby eficaz e muito personalizado. O Sporting deixa Alvalade com a vida difícil para chegar à Liga Europa e ensombrado por um enorme coro de assobios.

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Jovem de 19 anos leiloa a virgindade em canal de TV da Hungria


Ela quer usar o dinheiro para salvar a casa de sua mãe.
'Estou fazendo isso pela minha família', disse a 'Miss Primavera'.

Uma húngara de 19 anos identificada apenas como "Miss Primavera" está leiloando sua virgindade através da emissora local "Tabu". Inicialmente, ela tentou fazer o leilão pelo site "eBay", que cancelou o anúncio por violar a política interna, segundo o jornal "Austrian Times".
Ela quer usar o dinheiro para salvar a casa de sua mãe.Ela quer usar o dinheiro para salvar a casa de sua mãe. (Foto: Reprodução/Tabu)
De acordo com o canal "Tabu", o leilão será realizado até o dia 25 de agosto. A jovem, que tem 1,80 metro de altura e 75 quilos, destacou que nunca teve namorado e está fazendo isso para salvar a casa de sua mãe.
"É só por uma noite", afirmou a "Miss Primavera", acrescentando que o homem que pagar o maior lance estará ajudando a salvar sua família de ficar sem casa. "Ele será o nosso salvador", disse.
Ela contou que recebeu uma oferta de 100 mi libras de um britânico, mas recusou porque ele queria manter um relacionamento. "Não estou procurando um marido. Estou fazendo isso pela minha família", acrescentou.

E agora um coração que estamos precisando...

[coracao_dinheiro.jpg]

Os 9 Corações Naturais do Planeta...

1. Floresta com forma de coração, Cantabria, Spain

floresta forma coração
Esta bela floresta pode ser vista na Cantabria, noroeste da Espanha. Entretanto, a floresta apenas vai parecer ter a forma de um coração se vista do ângulo da foto. Link para ver a floresta no Google Maps.

2. Ilha com forma de coração, Lago Gutierrez, Patagonia

ilha forma coração
Uma bela ilha com o formato de coração, coberta com árvores, pode ser encontrada na Patagônia, Argentina, e melhor visualizada do lado leste do lago Gutierrez. Link para ver a ilha no Google Maps.

3. Terreno pantanoso em forma de coração, Parque Guandu, Taiwan

pantano forma coração
O parque de Guandu é um parque natural situado perto da cidade de Taipei, Taiwan. Dentro do parque, você poderá ver a figura de um coração, formado por um terreno pantanoso. Link para ver no Google Maps.

4. Ilha Tavarua, Fiji

ilha tavarua coração
A ilha Tavarua é uma ilha paradisíaca de forma de coração, localizada na costa de Viti Levu, e cercada por uma barreira de corais. Link para ver a ilha no Google Maps.

5. Galesnjak, Croatia

galesnjak ilha coração
Outra ilha em formato de coração pode ser encontrada ao sul de Zadar, na Croácia. Chamada de Galesnjak, essa pequena jóia mede apenas meio quilômetro no ponto mais largo. Link para ver no Google Maps.

6. Lago em forma de coração, Ohio

lago formato coração
Um lago com forma perfeita de coração, pode ser encontrada em Ohio, Estados Unidos. Parece ser parte de uma propriedade privada, e pouco se sabe sobre ele. Link para ver o lago no Google Maps.

7. Mangue com formato de coração, Voh, New Caledonia

mangue coração
Provavelmente o mais conhecido pedaço de terra em formato de coração seja esse mangue em New Caledonia, que ficou famoso pelas mãos do fotógrafo aéreo Yann Arthus Bertrand, na capa do seu livro Earth From Above. Link pra ver o mangue no Google Maps. (Infelizmente, não dá pra ver muita coisa.)

8. Lago com forma de coração, Chembra, India

lago coração
Uma atração turística, o lago perto do monte Chembra, na India. Link para ver a área no Google Maps. (Mais uma vez, não dá pra ver muita coisa.)

9. Coral de coração (Heart Reef), Grande Barreira de Corais de Whitsundays

coração coral heart reef
Uma formação de corais naturalmente formada, em formato de coração, na Austrália.