sábado, 5 de novembro de 2011

Rússia: Milhares de neonazis 'marcham' em Moscovo

Milhares de nacionalistas de extrema-direita e neo-nazis manifestaram-se hoje em Moscovo para exigir a «recuperação da Rússia pelos russos».

«Rússia para os russos», «Imigrantes hoje, ocupadores amanhã» e «Parem de alimentar o Cáucaso» foram as palavras de ordem que ecoaram à medida que cerca de cinco mil pessoas, na sua maioria homens, marcharam através de um bairro da capital russa.

Os alvos do ressentimento destes grupos extremistas são, por um lado, os emigrantes muçulmanos do Cáucaso e de outros países da Ásia central que pertenceram à URSS, e, por outro, o dinheiro gasto pelo Kremlin para apaziguar as regiões mais remotas e inquietas do país.

O florescimento de grupos xenófobos na Rússia tem-se acentuado nas duas últimas décadas. Estes nacionalistas são responsáveis por espancamentos e mesmo mortes de activistas com convicções contrárias às suas.

O nacionalismo encorajado por Vladimir Putin como estratégia para reconstruir e fortalecer a nação russa serve-lhes de encorajamento.

Fonte: SOL

Nenhum comentário:

Postar um comentário