quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Descobertos os dois mais pequenos planetas fora do Sistema Solar

Descobertos os dois mais pequenos planetas fora do Sistema Solar
Astrónomos descobriram os dois mais pequenos planetas fora do Sistema Solar, com dimensões semelhantes à Terra e a orbitar uma estrela parecida com o Sol, revela esta terça-feira a revista científica "Nature". 

O método de precisão usado permitiu à sonda norte-americana "Kepler", da NASA, detetar os pequenos exoplanetas (planetas fora do Sistema Solar), que orbitam uma estrela baptizada como Kepler 20.

O diâmetro de um dos pequenos planetas ultrapassa pouco mais (3%) o da Terra e o do outro é ligeiramente mais pequeno (3%) que o do 'planeta azul'.

Bem mais próximos da sua estrela do que a Terra do Sol, os dois novos exoplanetas percorrem a sua órbita em menos de uma semana ou um mês. São rochosos como a Terra, mas as suas temperaturas à superfície são demasiado elevadas para permitir vida.

O sistema extra-solar da estrela Kepler 20, situado a mil anos-luz da Terra, inclui mais três planetas, maiores, com tamanho similar ao de Neptuno.

De acordo com os astrónomos, apenas três exoplanetas se encontram em "zona habitável", onde a água pode ser detectada em estado líquido e, desta forma, a vida ser possível: Kepler 22, a cerca de 600 anos-luz da Terra, e Gliese 581d e HD 85512b, a dezenas de anos-luz do 'planeta azul'.

Lançada em Março de 2009, a sonda "Kepler" tem por missão observar mais de cem mil estrelas semelhantes ao Sol, visando a detecção de planetas-irmãos da Terra susceptíveis de acolher vida.

O aparelho já descobriu 28 exoplanetas e recenseou 3.326 "planetas candidatos", que continuam por confirmar por outros métodos.

Fonte: Jornal de Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário