terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Pombas da paz no Vaticano atacadas por uma gaivota e um corvo

Duas pombas brancas que, em um gesto de paz, foram soltas nesse domingo por duas crianças que estavam com o Papa Francisco no balcão em que ele reza o Angelus, no Vaticano, foram atacadas por outras aves. 

Aos olhos de milhares de pessoas reunidas na praça de São Pedro, uma gaivota e um corvo se lançaram contra as pombas assim que elas foram soltas da janela do Palácio Apostólico. 

Uma pomba perdeu algumas penas quando conseguiu escapar da gaivota. No entanto, o corvo atacou várias vezes a outra pomba. Não se sabe se elas conseguiram sobreviver, pois tentaram escapar voando, ainda sob perseguição. Momentos antes, do balcão do Palácio Apostólico, Francisco tinha feito um apelo em favor da paz na Ucrânia, onde morreram manifestantes contrários ao governo. 

O Papa pediu que “o espírito da paz e a busca do bem comum” prevaleçam nessa nação da Europa. Também propôs um diálogo construtivo entre as autoridades e o povo da Ucrânia, para que as partes renunciem à violência.



Nenhum comentário:

Postar um comentário